Porque não se pode confiar num tradutor online automático

0 comments

Talvez pela falta de conhecimentos das falhas nos tradutores automáticos, muitos escritores de conteúdo web vêm utilizando cada vez mais tais tradutores para traduzir e distribuir conteúdos em diferentes línguas pela Internet de forma mais rápida. Óbvio que o uso de tais ferramentas de tradução podem cortar custos, mas elas também podem danificar o nome de sua empresa ao prover traduções erradas. Por exemplo, um dos principais jornais franceses online tem utilizado este serviço com consequências desastrosas.
Porém eu vejo que a tradução automática tem suas vantagens, apesar de ainda estar somente na sua primeira fase de desenvolvimento. Para qualquer empresa, pensar na economia feita em não ter que empregar os serviços de um tradutor profissional é tentador, mas a tecnologia de tradução automática ainda está longe de trazer traduções que possam rivalizar com às feitas por um profissional da área. Na minha opinião, eu realmente duvido que um dia uma máquina possa realizar traduções tão boas, detalhadas e culturalmente corretas como uma pessoa o pode.
Então, como a tradução automática deve ou pode ser usada?
Com cuidado. Tradução automática nunca deve ser usada para traduzir conteúdos que serão publicados e nunca (nunca!) confiar em na tradução automática para traduzir documentos como contratos, correspondências, etc.
Como teste, eu traduzi um pequeno texto em inglês em um dos vários tradutores gratuítos que encontrei online; neste caso, o tradutor online da www.traduzir.pt  A seguir o texto em inglês:
“Machine translation is best suited to easy, short sentences, such as the ones we find in chat rooms, MSN and the like. A funny example is that of a friend of mine who is keen on participating in chat rooms: He uses machine translation tools to chat with people from all over the world. How does he do it? He writes what he wants to say on the translation tool, gets it translated the copies and pastes it on the chat box. He does the inverse to understand the person he is chatting with.”
E a tradução:
“Tradução computadorizada é vestida melhor a orações fáceis, curtas, como o ones nós achamos em quartos de conversa, MSN e os iguais. Um exemplo engraçado é isso de um amigo meu que é agudo em participar de quartos de conversa: Ele usa ferramentas de tradução computadorizada para conversar do mundo inteiro com pessoas. Como ele faz isto? Ele escreve o que ele quer dizer na ferramenta de tradução, adquire isto traduzido as cópias e pastas isto na caixa de conversa. Ele faz o inverso para entender a pessoa ele está conversando com.”
Resumindo, este texto foi escrito com uma linguagem fácil de entender (em inglês), com frases simples e curtas. Neste caso o tradutor pode não ter traduzido tudo muito bem, mas ele deu uma boa idéia sobre o assunto do parágrafo.
Pois esta na minha opinião é a função das ferramentas de tradução existentes: entender “por alto” o que o texto quer dizer e não ser considerado a “última palavra em tradução.” A sugestão é sem duvida a utilização de uma empresa de tradução profissional que utilizada tradutores profissionais em vez dos vários tradutores online que existem.